segunda-feira, 29 de março de 2010

II Raid BTT-ALBI

Olá, olá (preparem-se para ler…)

Pelo 2º ano consecutivo, o último Domingo do mês de Março (28), foi dedicado ao Aniversário do Blog BTT - Albi. Espaço da web onde são relatadas as muitas aventuras em 2 rodas pelo amigo João Afonso. Tal como no ano passado, a comemoração assentou num raid BTT (de luxo).
.

O convite para o evento foi lançado a todos pelo João Afonso, advertindo que o Raid seria apenas mais uma "Voltinha Domingueira" um bocadinho mais demorada! Facto é que numa voltinha domingueira não conseguimos juntar 18 amantes do pedal! Constatei (diga-se com alguma tristeza) que todos os que ali estávamos presentes poderíamos ser mais unidos e partilhar-mos mais momentos juntos, sem que houvesse um motivo especial para o facto (como era hoje o caso!), deixando para trás “problemas” de menor, ou irrelevante importância! Por outro lado, devo elogiar o João Afonso por ter esta capacidade de (conseguir) UNIR o pessoal. Amigos, perdoem-me o desabafo… mas era um sentimento que gostava de aqui partilhar!

Retomando… 18 comparsas aceitaram o desafio para o II Raid BTT-Albi. Ei-los: Luís Lourenço, Abílio Fidalgo, João Fidalgo, Paulo Neto, João Caetano, Álvaro Martins, Nuno Dias, Bruno Dias, Ricardo Silva, Pedro Antunes, Agnelo Quelhas, Fernando Micaelo, Jorge Mendes, Rui (eu sabia que me ia esquecer do sobrenome!!!), António Cabaço, Pedro Martinho, João Afonso e eu (João Valente). Ufff… tantos!!! Bom grupo, bonito colorido… quase um pelotão!
.
Parece que o dia estava realmente configurado para a prática do BTT. Uma conjugação perfeita entre a Mãe Natureza… já repleta de cores e cheiros primaveris e São Pedro a dar tréguas à precipitação, oferecendo-nos um dia pleno de sol e amena temperatura, mais quente (durante as subidas!!!) Ehehehe…

Com a hora (já de verão) marcada para as 8 horas (menos 1 hora de sono)… o grupo foi-se formando frente às instalações da IPERDEL na Quinta Dr. Beirão, ponto de encontro para este Raid. Saímos da cidade pelo single-track da linha do comboio, com azimutes virados a sul. Valongo, Benquerenças e antes de chegar à Represa, numa descida mais rápida, o Nuno Dias tem uma queda! Ainda se ouviram rumores que seria uma tentativa de apanhar um coelho que ali passara a correr… mas o “acidentado” depressa negou, sacudindo os vestígios de erva e terra do “fato de gala”. Felizmente nada para além de umas nódoas negras, arranhões e dores nos próximos dias! Tudo coisas a evitar!!!

A pendente até às imediações de VVR é praticamente descendente e os trilhos mais ou menos conhecidos de outras voltinhas domingueiras. Fomos de encontro ao percurso utilizado na IV Edição dos Trilhos da Açafa (2009) onde (mais uma vez) delirámos com o single-track à beira Tejo, com Vila Velha de Ródão em pano de fundo e as águas calmas do Tejo ali mesmo ao nosso lado. Foi um dos momentos altos deste Raid e a julgar pelos comentários do pessoal, “todo mundo” adorou! Fotografias… claro, muitas e algumas de grupo!

Já na localidade de Vila Velha de Ródão estava pré-programado pelo João Afonso um abastecimento reforçado para que não faltasse forças a ninguém no regresso à cidade. Bifanas e Frango com fartura, bem regadas com bebidas à descrição. Um lauto reforço com sabor a um autêntico almoço! O João, contrariamente à vontade do grupo, fez questão de pagar a despesa. Coisas de aniversariante!!!

Após o manjar, o grupo despediu-se do Pedro Martinho e do Jorge Mendes que rumaram mais cedo à cidade por compromissos. Ficámos 16 homens, com forças restabelecidas afim de percorrer outros tantos Km’s (mais 45Km’s)… mas desta vez com uma pendente mais ascendente! Eheheh…

Saímos de Vila Velha de Ródão com destino à zona da Serrasqueira, onde nos esperavam mais uns singles (também percorridos na Açafa) e uns quantas “paredes” para vencer… até chegar à Atalaia do Campo, local onde parámos para reagrupar à sombra de uma oliveira, com um vasto manto verde! Magníficas estas cores primaveris! Aqui o Ricardo Silva, já bastante desgastado resolveu rumar via asfalto até Castelo Branco, poupando-se ao esforço que ainda teríamos pela frente.

De salientar e enaltecer o espírito de alguns elementos (mais pesados) que souberam gerir o esforço e se aguentaram bastante bem até final. Como costumo dizer… às vezes… a maior força está na nossa cabeça!

Da Atalaia, seguimos para o Vale do Homem, Rodeios e Estação das Sarnadas… onde o grupo de 15 homens se viu reduzido a 14, pela saída do companheiro Fernando Micaelo via asfalto, também com compromissos na cidade. Aproveitámos a paragem para visitar o café “Anti-ASAE” que ali se encontra e bebericar algo fresco… para arrefecer os radiadores!!


Daqui seguimos até à Represa… e para aqueles mais desgastados já cheirava a Castelo Branco… mas ainda havia uns singles escondidos na algibeira do comparsa João Afonsingles! Ehehehe… excelente baptismo… assenta-lhe que nem uma luva! João Alfonsingles… ou no dia de hoje João Raminhos Afonso de Alecrim… ehehehe! João perdoa-nos lá esta brincadeirinha!

Percorremos ali na zona do Retaxo uma série de elameados singles track’s entre veredas e quelhas… para depois sacudirmos a lama aglomerada na subida até à Serra das Olelas, onde não atingimos o cume, pois virámos guiadores para mais singles, desta vez dos Maxiais… onde enfrentámos também a “La Peligrosa”… um descida excelente para quem gosta de ter experiências quase-queda… à qual se segue uma subida para os que gostam de experimentar os limites da frequência cardíaca!!!! Enfim… um autêntico aglomerado de sensações que só enaltecem a escolha dos trilhos deste Raid. Muito Bom… mesmo!

Estava mesmo “nos finalmente” este magnífico Raid. Rolámos via (antiga) estrada até à cidade… onde, como não poderia deixar de ser, ainda se visitou os famosos tremoços XXL e as loiras fresquinhas na Associação do Valongo. Peço desculpa ao grupo por não ter feito companhia neste último brinde… mas o horário já estava a “jogar” contra os meus planos.

Diz a malta dos GPS’s que percorremos cerca de 90Km’s, com 1600 metros de acumulado… nada mau! Mas enalteço mais as belas paisagens percorridas durante este dia, em boa companhia, sob o leme do Amigo João Afonso, que soube oferecer a este grupo um dia para relembrarmos mais tarde!

João Afonso… o meus Parabéns a ti e ao teu cantinho da Web pelo 2º Aniversário. Para o ano… queremos mais!

Até… Fiquem Bem…
Boas Pedaladas!

Fotografias até VVRodão

Fotografias após VVRodão

Fotos by FMike...

4 comentários:

FMicaelo disse...

Obrigado João "Raminhos" Alfonsingles:
- Por seres um verdadeiro compincha e amigo...
- Por nos teres proporcionado a todos um excelente II Raid BTTALBI...
- Por teres conseguido juntar a malta toda á volta de uma mesma mesa e de uma mesma paixão - bons momentos em BTT...

OBRIGADO e até para o ano!

Agnelo disse...

Foi deveras um dia bem passado em camaradagem, a fazer lembrar os "velhos tempos" do BTT. O João esmerou-se. Parabéns à troupe BTTHal pelo relato e fotos. João Valente, tá na hora de investir numa digital um pouco melhor. Estive a ver as fotos "à lupa" e estão cheias de aberrações cromáticas e artefactos do JPG. Qual é o modelo que tens? Foi comprada no chinês? :-)

JValente disse...

Oh pra ele!!!... A desdenhar da minha fiel digital!! lol

Na verdade a minha Olympus Fe-10, tem feito um bom trabalho desde à 4anos para cá... mas a idade tudo trás e tudo leva! E isto do BTT tem lá que se lhe diga na utilização de material sensível como é o caso da máquinas digitais!

Ainda vai ter de aguentar mais algum tempo... até "morrer" de vez!Eheheh...

Agora não compares este material a uma máquina do chinês!!! Tu vê lá isso... sem lupa, que serve muito bem!!!

Abraço

BTT-ALBI disse...

"Obrigado e até para o ano!?" nada disso FMike. Apesar de eu estar em "lista de espera" se Deus quiser este ano vai haver muito mais, e conto com vocês todos de novo. De qualquer maneira fiquei contente por terem gostado. Obrigado mais uma vez pela vossa presença.
Ah não se esqueçam que estamos na Páscoa!!!
1 abraÇo.